Preservativos falsificados

O mercado de preservativos falsificados invadiu o Brasil. A preocupação é da Agencia de Vigilância Sanitária (Anvisa). Os preservativos falsificados seriam oriundos da China e entram em nosso país pelo Paraguai. Fabricados sem qualquer controle de qualidade, esses preservativos podem apresentar alto grau de porosidade...

370

O mercado de preservativos falsificados invadiu o Brasil. A preocupação é da Agencia de Vigilância Sanitária (Anvisa). Os preservativos falsificados seriam oriundos da China e entram em nosso país pelo Paraguai.
Fabricados sem qualquer controle de qualidade, esses preservativos podem apresentar alto grau de porosidade e também pouca resistência, expondo o usuário ao risco de contágio de doenças sexualmente transmissíveis ou até mesmo uma gravidez indesejada.
Portando, não adquira preservativos no mercado clandestino, que possuem preços atraentes, mas péssima qualidade.
A Agência de vigilância Sanitária orienta as pessoas a denunciarem o comercio ilegal de preservativos, normalmente vendidos nas ruas, comunicando imediatamente o fato a polícia militar (fone 190) ou policia civil (fone 197) que tomarão as medidas penais cabíveis.


Dê sua opinião