O botijão da sua cozinha está seguro?

A explosão no restaurante Filé Carioca, no centro do Rio de Janeiro, provocou as necessárias reflexões quanto aos procedimentos relativos aos alvarás provisórios emitidos pelas prefeituras. Outro assunto relevante que veio à tona, se refere à prevenção de acidentes com botijões de gás. 95% dos...

322

A explosão no restaurante Filé Carioca, no centro do Rio de Janeiro, provocou as necessárias reflexões quanto aos procedimentos relativos aos alvarás provisórios emitidos pelas prefeituras. Outro assunto relevante que veio à tona, se refere à prevenção de acidentes com botijões de gás. 95% dos lares brasileiros utilizam o chamado GLP (Gás Liquefeito de Petróleo), conhecido popularmente como gás de cozinha. Poucos consumidores do produto sabem que o gás de botijão possui substância odorizante para que se perceba, pelo cheiro, quando está ocorrendo vazamento, pois sua aspiração em local fechado pode provocar morte por asfixia. O GLP é um gás demasiadamente pesado, por isso tem facilidade de se acumular no ambiente. Em caso de vazamento constante em locais com poucas áreas de escape, o gás, geralmente, fica acumulado a uma altura de 1.5 metros do chão, diferentemente do gás natural, que tem maior capacidade de dispersão, o que facilita os meios de fuga. A questão é grave e envolve a segurança da família, portanto, preparei para o amigo leitor diversas dicas para quem tem fogão em casa: 1) Verifique os prazos de validade da mangueira, juntas metálicas e regulador de pressão. Essas peças devem ter certificado do Inmetro 2) Se ocorrer vazamento na mangueira ou válvula de pressão, feche imediatamente o registro. Se o vazamento for no próprio botijão de gás, a solução é retirar o regulador de pressão 3) A mangueira deve ser trocada a cada 5 anos, pois corre risco de ressecar e provocar vazamento. A mangueira, que não deve ter mais de 80 centímetros, não pode ser embutida na parede nem ter emendas ou passar por traz do botijão. Instale-a longe de ralos e tomadas de força 4) O regulador de pressão deve ser rosqueado com a força das mãos, jamais com ferramentas 5) Se o leitor cobriu o botijão da cozinha com plástico ou pano que serve como enfeite, aconselho retirar imediatamente, pois são materiais altamente inflamáveis. O botijão deve ficar na parte externa da casa ou do comércio, jamais dentro de pia ou armário. 6) Limpe com frequência os queimadores (bocal) do fogão, desentupindo os buraquinhos. A chama deve ter cor azulada. 7) Jamais adquira botijão de gás clandestino, enferrujado ou amassado. 8) Ao sentir cheiro de gás no ar, não ligue luz e não acenda fósforos ou isqueiro. Procure abrir janelas e portas e feche rapidamente o regulador de pressão instalado em cima do botijão de gás. O ato de cozinhar é importante e requer também muita segurança.


Dê sua opinião