PARA QUEM PERDEU A CRENÇA NA VIDA E EM DEUS…

Estamos vivendo a era da insatisfação e da reclamação. Se o leitor não concorda, faça uma análise das postagens em redes sociais. As más notícias têm suplantado as boas. É fácil colocar a culpa na situação econômica e no desemprego. É como se todos os problemas não fossem...

662

Estamos vivendo a era da insatisfação e da reclamação. Se o leitor não concorda, faça uma análise das postagens em redes sociais. As más notícias têm suplantado as boas. É fácil colocar a culpa na situação econômica e no desemprego. É como se todos os problemas não fossem responsabilidade da própria pessoa e sim do governo, do ex-patrão, do último relacionamento afetivo e etc. O antigo jargão popular diz que:

Deus dá alimento a todos os pássaros , mas não o joga no ninho!

Creio que Deus ajuda a todos, mas espera que cada um de nós faça no mínimo a sua parte!

Com toda essa linguagem negativa rondando, acontece o fenômeno da vitimização, o que enseja algumas reflexões:

Aquele que perde dinheiro, perde muito; aquele que perde amigos, perde muito mais, pois amizade não tem preço e sim valor.  Mas aquele que perde a fé, perde tudo …

A língua pesa praticamente nada, mas poucas pessoas conseguem segurá-la. O diferencial da vida, é viver com amor e buscar, diariamente, o sentido de viver e ser feliz plenamente. É dar valor aos pequenos acontecimentos do dia a dia.

Algumas dicas singelas podem fazer o leitor refletir e tirar as próprias conclusões:

  • Não espere um sorriso para ser gentil;
  • Não espere ser amado para amar;
  • Não espere ficar sozinho para reconhecer o valor de uma amizade;
  • Não espere ficar de luto para reconhecer hoje quem é importante em sua vida;
  • Não espere o melhor emprego para começar a trabalhar;
  • Não espere a queda para lembrar do conselho;
  • Não espere encontrar a pessoa perfeita para então se apaixonar;
  • Não espere a magoa para pedir perdão;
  • Não espere a separação para buscar a reconciliação;
  • Não espere a dor para acreditar na oração;
  • Não espere que o outro tome a iniciativa se você foi o culpado;
  • Não espere dizer eu te amo, para dizer eu também.

Então, o que você está esperando????

JORGE LORDELLO


Dê sua opinião